domingo, 11 de julho de 2010

Guarda- chuva...


Ando com dificuldade para escrever...
Nem é falta de tempo não. É dificuldade mesmo.
...talvez por falta de inspiração...
Ou talvez porque o amor é mais poético quando é triste.
E ultimamente tenho ficado feliz...
Mesmo com o turbilhão de coisas bagunçando meu caminho e minhas decisões, tenho conseguido sorrir...
Talvez por isso os textos bonitos e que algumas pessoas se identificavam tanto não estão mais aqui.
Porque talvez pela única vez e mesmo que seja só por enquanto, o amor tem me feito feliz.
Tem me salvado da solidão das sextas- feiras...
Tem me tirado do tédio das tardes de sábado...
Tem me dado sorrisos nas manhãs de domingo...
Tem me curado as dores, me secado as lágrimas, me feito acreditar...
E mesmo que amanhã o amor resolva me abandonar (como sempre aconteceu), ele me deixará ao menos as lembranças doces...
com gosto de café e chocolate, com a clareza e simplicidade de desenhos em nuvens, com a segurança e proteção vinda num único abraço, com a mão estendida pra atravessar a rua, com um jeito sem jeito de me fazer rir, com os olhos cheios de orgulho e um coração cheio de carinho...
Sabe, eu acredito nas coisas que podem dar certo.
Assim como sei muito bem que podem errar e machucar demais... (a gente nunca sabe quem são as pessoas ao certo e enfim.)
Mas enquanto tiver tempo e vento, a gente vai caminhado do lado se acertando aos poucos, preenchendo com presente os espaços vazios que o passado abriu...
Porque hoje, não quero mais janelas nem portas fechadas: quero só que meus olhos abertos cuidem do nosso caminho e que meu coração sorridente, cuide dos nossos prazos de validade e não deixe nunca vencer nem estragar...

Ando sem inspiração eu acho...
Devo ter deixado ela de lado...
Pra dar espaço pra encher meu guarda- chuva de coraçõezinhos...

7 comentários:

Thiago Meira disse...

pra bom bebedor, mei garrafa basta...

pra bom entendedor, meia palavra basta....

pra quem sabe ler, um pingo é letra.

Matheus de Azevedo disse...

hahahha Sem inspiração?????
Imagina se tivesse com ela hehehe

Nanda disse...

Bom, se for pra chover, que seja sempre assim. Nada daquela coisa morna e mórbida de molhar lá dentro.

nelio souto disse...

Bom, acho que há textos que não merecem meros comentários. Esse é um deles... Você lê, sente e deixa rolar...

Belo texto e bela fase... que ambos perdurem.

Beijo grande!

M. Sueli Gallacci disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
M. Sueli Gallacci disse...

Querida Débora,

Mais inspiração que isso, pra quê???
Consegue escrever mais belo ainda?... És uma afortunada!

Não lhe faltou inspiração, ela mudou de cor, mudou de rumo: para melhor. Encontrou o caminho certo!

Bjos linda!

Obs.: excluí o primeiro cometário pq errei o teu nome rssss

ana sandim disse...

Lindo..
me deu forças para acreditar no inacreditavél.. o amor faz bem.. =)